Um Buquê Improvisado

 O NOVO LIVRO DO ESCRITOR ROBERTO MUNIZ DIAS

” O que poderia pensar de mim mesmo se tivesse minha memória pedido? Saberia falar de dor? O que seria prioridade? Como reinventar os cheiros e prazeres? E depois disso tudo como resistiria o amor?” 

‎”A hesitação faz parte do novo, do começar. Queria te dizer que quero me separar – o problema não é com você é com o outro.”

“O que ela quer de mim apesar de saber de tudo. Um outro filho? E depois, como vou organizar essas coisas mais intestinas? O que ela quer de mim, além de me tirar o sorriso dourado?”

“E a mentira contada pra si mesmo é, talvez, a maior das mentiras. Mas o que está a minha frente nesse reflexo amorfo? Eu, o outro? E a família esperando na sala, o que querem de mim?
A resposta é simples: a porta, o armário ou o abismo?”

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s